Por último, iremos falar de um coleóptero, que é o “pirilampo” ou o também vulgarmente chamado no Brasil de “vaga-lume”.

Normalmente estes invertebrados encontram-se em zonas de muitos e fechados arvoredos, mas podem também  viver ao longo dos campos ou de caminhos.

Na espécie mais vulgar, tanto os machos como as fêmeas podem produzir luz que é uma forma de poderem comunicar entre eles.

Estes “invertebrados” conseguem ser mais espertos que os próprios lusos.

Pois não há político luso, que nos últimos 60 anos das nossas vidas, quer inconscientemente, ou quer estupidamente conscientes, nos estejam sempre a enganar, dizendo que apesar dos seus erros, disparates, e cósmicos desleixes e irresponsabilidades, por eles sempre cometidos, TODOS eles dizem ver “uma luz ao fundo do túnel”.

Quando a verdade, é que ao fundo do túnel das suas incompetências, não há luz nenhuma!

O que há, é um casal de pirilampos a dizerem um para o outro:
“Estes políticos são mais hipócritas que os fariseus”
“Passam a vida só a enganar o POVO”.